Umas das principais promessas de campanha do Presidente eleito, Jair Bolsonaro, é abrir a caixa-preta do BNDES e apurar todos os investimentos executados pelo banco, precisamente para averiguar casos claros de desvios de finalidade e financiamentos espúrios de regimes socialistas mundo afora na era petista.

Ao ser interrogado pelo site “O Antagonista” sobre a escolha do Joaquim Levy para presidir o BNDES, Jair Bolsonaro afirmou: “A caixa-preta vai ser aberta na primeira semana! Não tenha dúvida disso. Se não abrir a caixa-preta, ele está fora, pô.”

A pretensão da abertura da caixa-preta colocaria de vez em cheque quaisquer dúvidas tendenciosas em cima do evidente fato de que houve favorecimento ideológico do PT na condução do BNDES cujo aparelhamento virulento beneficiou diversos regimes totalitários aliados ao Partido dos Trabalhadores, aviltando assim a soberania nacional e os interesses genuinamente brasileiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba o melhor do conteúdo livre!

Seja notificado das nossas principais notícias!

Você também poderá gostar

Ombudsman da Folha de SP admite erro na matéria que acusava Bolsonaro de caixa 2

Durante a comum euforia na disputa pela Presidência no segundo turno, a…

Folha de SP divulga fake news sobre retirada de imagens católicas por Michelle Bolsonaro

O Presidente eleito, Jair Bolsonaro, veio à público mediante redes sociais para…

Feminista incentiva mulheres a jogarem água nos homens em transportes públicos

O canal norte-americano DC Shorts publicou um vídeo em que uma feminista…

General Villas Bôas revela que o exército esteve “no limite” com julgamento do Lula

Neste domingo (11), em entrevista concedida à Folha de São Paulo, o…