O filme teve sua estreia nessa última sexta-feira, dia 30, contando com um gênero trash misturado com humor negro e pitadas de terror satírico, o que não demorou muito tempo até a Folha de São Paulo publicar um artigo regado a severas críticas ao filme, chamando-o de escatológico e politicamente incorreto.

Como era de se esperar, as críticas do jornal acabaram provocando uma curiosidade ainda maior, principalmente quando se analisa o histórico de implicância e birra que a mídia tem com o comediante Danilo Gentili, gerando assim um efeito oposto e aumentando a bilheteria do filme nos cinemas.

1 comment
  1. “(…) a* severas (…)”
    “(…) as críticas do jornal acabaram* provocando (…)”
    Quanto ao conteúdo, concordo que tenha sido esse o efeito mesmo 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba o melhor do conteúdo livre!

Seja notificado das nossas principais notícias!

Você também poderá gostar

Ombudsman da Folha de SP admite erro na matéria que acusava Bolsonaro de caixa 2

Durante a comum euforia na disputa pela Presidência no segundo turno, a…

Apreensão do transcendente: uma conversa entre Roger Scruton e Jordan Peterson

Por André Assi Barreto,     Roger Scruton e Jordan Peterson se…

Folha de SP divulga fake news sobre retirada de imagens católicas por Michelle Bolsonaro

O Presidente eleito, Jair Bolsonaro, veio à público mediante redes sociais para…

Feminista incentiva mulheres a jogarem água nos homens em transportes públicos

O canal norte-americano DC Shorts publicou um vídeo em que uma feminista…