Ato heróico dos policiais foi motivo de mobilização em apoio por parte da maioria dos brasileiros. O fato ocorreu na cidade de Valença, RJ, em confronto com um bandido que usou uma senhora de idade como refém durante assalto.

Após uma longa espera e pedidos copiosos para que se rendesse, os policiais prosseguiram em estrito cumprimento do dever legal e dispararam contra o bandido, salvando assim a senhora de idade. Os profissionais foram condecorados e parabenizados pelo Presidente eleito, Jair Bolsonaro.

Apesar do inquestionável apoio e lisura em toda conduta policial nesse caso, o Ministério Público abriu investigação contra os profissionais por alegação de suposto excesso durante a operação.

É algo de se espantar, mas de fato o Brasil é o país onde o poste mija no cachorro.

1 comment
  1. O Ministério Público deveria fiscalizar os enormes contratos entre as prefeituras e as empresas.
    Além de mostrar serviço, faria um bem enorme a população.
    Agora, abrir inquérito sobre uma ação policial, onde a vítima estava com uma arma na cabeça mais de 20 minutos, onde o bandido fou abatido…!!!????
    Só falta responsabilizar a senhorina que foi vítima….
    Ministério Público…VAI TE CATAR!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba o melhor do conteúdo livre!

Seja notificado das nossas principais notícias!

Você também poderá gostar

Ombudsman da Folha de SP admite erro na matéria que acusava Bolsonaro de caixa 2

Durante a comum euforia na disputa pela Presidência no segundo turno, a…

Folha de SP divulga fake news sobre retirada de imagens católicas por Michelle Bolsonaro

O Presidente eleito, Jair Bolsonaro, veio à público mediante redes sociais para…

Feminista incentiva mulheres a jogarem água nos homens em transportes públicos

O canal norte-americano DC Shorts publicou um vídeo em que uma feminista…

General Villas Bôas revela que o exército esteve “no limite” com julgamento do Lula

Neste domingo (11), em entrevista concedida à Folha de São Paulo, o…